4 de mar de 2019

Motivos para agradecer #9ª semana.


A grande pergunta é: Você é um copo ou um lago?
Problemas acontecerão na sua vida, mas de que maneira você vai lidar com eles, onde está seu foco? Nos problemas ou nas bênçãos?
Assista ao vídeo: 10 atitudes para ser grato de uma vez por todas


56. Gratidão à escola

Você sabia que a escola como a conhecemos hoje só surgiu entre os séculos XIX e XX? Os gregos possuíam locais de ensino, mas não nos moldes que conhecemos hoje. A primeira Universidade surgiu no Marrocos, no século IX ligada uma mesquita. Na Europa, os rudimentos da nossa atual escola aparecem no século XII, no intuito de ajudar a catequisar os alunos, nas instituições católicas. Restrita anteriormente a grupos sociais e religiosos específicos, a escola hoje, mesmo com todos os senões, é uma realidade para todos.

57. Gratidão à escrita

Devemos agradecer aos Sumérios, no ocidente, que há aproximadamente 4000 anos desenvolveram uma escrita silábica, chamada cuneiforme, e conseguiram armazenar conhecimento e transferir para os outros, traçando as letras em placas de argila. Ao longo da história vários alfabetos foram desenvolvidos – os hieróglifos, o alfabeto romano, os kanjis, o sânscrito, a escrita arábica, o alfabeto cirílico, o hebraico, entre outros – todos como veículos para troca de mensagens, transmissão de ideias e conhecimento, elaboração de pensamentos, desejos e necessidades humanos.

58. Gratidão aos livros

Entre andar com placas de argila, papiros de 20 metros, pergaminhos ou com livros, tenho certeza que você também acha mais prática a última opção. Pergaminhos unidos por madeira e cera, o primeiro livro chinês, de 868 d.C. (impresso com 130 mil blocos de madeira) ou a primeira Bíblia impressa em 1455, por Johannes Gutenberg foram os precursores dos livros como conhecemos hoje. Eles têm em comum a vontade do ser humano transmitir e preservar o conhecimento para as próximas gerações. Somos o que somos devido ao patrimônio intelectual que nos chega através dos livros.

59. Gratidão aos seus professores

Não existiriam escolas sem eles, não haveria quem nos ensinasse a dominar a escrita, ler os livros e interpretá-los. Meu sonho de garota era me tornar professora. Acabou sendo meu primeiro emprego. Hoje posso fazer isso e alcançar centenas de pessoas através de meus cursos. Já pensou quantos alunos passam pelas mãos de um professor? Por quantas vidas ele é responsável por apresentar o mundo e as possiblidades que ele oferece?

60. Gratidão aos cursos e palestras que fez

Não só numa sala de aula acontecem aprendizados relevantes. Pense em cursos e palestras que impactaram sua vida, que te fizeram mudar num curto espaço de tempo. Pense naquele profissional altamente preparado, o palestrante, que vem dividir com os ouvintes anos de estudos e trabalho. A escola, a universidade, é uma base. Cursos e palestras são atalhos poderosos para conhecimentos significativos.

61. Gratidão à criatividade

Dizem que a necessidade é a mãe da criatividade. Ser criativo é encontrar novos meios para obter um resultado necessário. A criatividade é ativada na infância, através da curiosidade, inventividade. Mas podemos alimentar a criatividade se mantivermos o hábito de anotar ideias inusitadas que temos, experimentarmos formas novas de fazer coisas habituais. Todos os avanços e descobertas que conhecemos são fruto da criatividade.

62. Gratidão à dança

Dançar já foi visto como expressão do divino e do mundano, e é manifestação viva da nossa cultura. Dançar é um exercício físico, trabalha a coordenação motora, regula o metabolismo do corpo, promove a sociabilidade, afasta a depressão, libera adrenalina e endorfinas. Dançar desafia nossos limites, estimula a criatividade corporal, e nos faz sentir vivos! As danças circulares são usadas ainda hoje para integrar as pessoas de uma comunidade ou grupo.

E se você gostou do post não esquece de comentar aqui em baixo, combinado?
28 de fev de 2019

#Desafio1livropormês - Os Segredos da Mente Milionária


Há anos nas listas dos mais vendidos no Brasil, obra do escritor Harv Eker é, na verdade, sobre riqueza emocional, mais do que financeira. Ao contrário do que pode parecer pelo título, os conselhos que o canadense Harv Eker dá no best-seller Os Segredos da Mente Milionária não têm muito a ver com quantidade de dinheiro no bolso. O livro da editora Sextante, que há anos não sai da listas dos mais vendidos no Brasil, é, na verdade, sobre riqueza emocional, mais do que financeira. Para o autor radicado nos Estados Unidos, que se tornou milionário em dois anos e meio, são as suas crenças que determinam o seu grau de controle sobre as finanças. Suas lições se baseiam em abrir mão de alguns velhos modos de pensar e agir, dominar emoções e refazer modelos mentais. Não se limite a ler este livro. O próprio autor admite que alguns conceitos podem ser úteis, e outros você pode descartá-los. O importante é aplicar as lições que fazem sentido para a sua vida. Navegue pelas fotos e confira dez lições que resumem os principais conselhos financeiros de Harv Eker. 
25 de fev de 2019

Motivos para agradecer #8ª semana.


Encerramos a última semana do mês de Fevereiro. Espero que para vocês tenha sido um mês de muita gratidão! Nada de "chorumeras" Sorria, pense positivo e as coisas boas virão até você e depois agradeça por ser amada(o) e abençoada(0)!! GRATIDÃO POR TUDO!!

49. Gratidão à energia elétrica

Já imaginou seu dia a dia sem luz? No calor não haveria ventilador, os alimentos estragariam; máquinas para ajudar o nosso dia a dia, televisão, videogames e o computador seriam inimagináveis. Iríamos dormir junto com o pôr do sol, e o que conhecemos como progresso não existiria. Não está convencido? Tente entrar debaixo do chuveiro gelado hoje, ou passe um dia inteiro sem usar qualquer uma destas facilidades.

50. Gratidão à tecnologia

Desde a revolução industrial a nossa sociedade presenciou e vivenciou mudanças cada vez mais rápidas. Há 100 anos ninguém se imaginaria esquentando sua comida se não fosse no fogão. Há 50 anos ninguém imaginaria que um aparelho que cabe na palma da mão poderia conter uma quantidade de informações tal que caberia em vários e vários arquivos, livros e cadernos. Há 20 anos não conseguíamos imaginar fazer pesquisa escolar ou acadêmica sem o auxílio de uma enciclopédia, e hoje podemos encontrar informações sobre tudo na internet. Tecnologia facilita a vida e nos conecta.

51. Gratidão aos meios de comunicação

E por falar em conectar, já agradeceu a Alexander Grahan Bell? Este homem, que viveu entre o final do século XIX e início do século XX inventou o telefone e o telégrafo, foi o precursor dos sistemas de fibras óticas atual, imaginou o fonógrafo, pilhas de selênio e hidroaviões. Não fosse ele, estaríamos esperando correspondências vindas em lombo de burro ou algo um pouquinho melhor, talvez, para sabermos notícias de longe. Graças à sua descoberta inicial, hoje vivemos uma época aonde tudo se sabe em tempo real.

52. Gratidão aos meios de transporte

Agora é a vez de agradecermos a Henri Ford, Santos Dummond e aos primeiros navegadores, cujos nomes se perdem no tempo. Sem estes inventores não teríamos carros, caminhões, ônibus, aviões, navios, barcos, balsas, e tantos outros meios de transporte que nos levam em questão de horas de um ponto do mundo a outro, quando há menos de 150 anos qualquer viagem média não levaria menos de um dia, a pé, a cavalo ou em carroças ou carruagens. Se você reclama do congestionamento, imagine o seu dia a dia sem o meio de transporte que utiliza…

53. Gratidão à Internet

Há 50 anos os computadores eram rudimentares perto das máquinas mais simples que temos hoje. Ainda assim já auxiliavam e muito em pesquisas e guarda de informações. Mas o grande avanço só se deu durante a Guerra Fria, quando os EUA desenvolveram a internet, nas décadas de 70 e 80, para manter a comunicação militar caso os outros meios de comunicação fossem silenciados. Sei que você provavelmente reclama da falta de conexão, da operadora ruim, mas já pensou que poderia não ter nem isto para acessar suas redes sociais, este artigo e muitos outros com os quais se informa, se diverte e aprende diariamente?

54. Gratidão às mídias sociais

Vamos concordar neste ponto, apesar de se ver muito conteúdo irrelevante postado, as redes sociais são um meio de manter contato com amigos, conhecidos e interesses de trabalho extremamente eficientes.
A internet, que surgiu com propósitos militares e depois acadêmicos, em 1990 teve seu alcance e função ampliados, com a criação dos primeiros portais, grupos de agências de notícia e surgimento de sites de relacionamento. Podemos compartilhar o que gostamos e o que pensamos, e saber o mesmo dos outros usuários, através de redes sociais, blogs, wikis e sites de compartilhamento.

55. Gratidão aos avanços científicos

Você já se deu conta que a expectativa de vida da população mundial aumentou absurdamente nas últimas décadas, junto com a qualidade de vida? Há 60 anos atrás um indivíduo com 50 e poucos anos já era considerado velho. Hoje, falarmos em terceira idade, melhor idade, e pessoas com 80, 90 anos com uma vida ativa já não são novidade. Se não fossem os avanços científicos, não só na área médica, mas na engenharia, na indústria e tantas outras áreas, não teríamos tratamentos médicos de ponta, equipamentos que nos facilitam o dia a dia e nos dão a certeza de que podemos programar nossa vida com longevidade e qualidade.

Que maravilha! Quantos avanços tecnológicos e científicos ao longo da história! Quantas descobertas incríveis que facilitam nossa vida não é verdade!? Você não acha um bom motivo pra agradecermos? Me conta aí no comentários!! Grande beijo!

Atualizações do Instagram

Topo